PCA 2018: Atualizações Dia 2

January 11, 2018

• JOGADORES: 101 de 582 inscritos
PREMIAÇÃO: US$ 5.645.400 || 87 premiados || US$ 1.081.100 para o campeão

21:20 – Sete brasileiros
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

Terminou a disputa, e com isso esse post vai parar de ser atualizado. Mas já adianto que sete brasileiros passaram para o Dia 3! Quer saber a contagem de fichas deles? Em breve, um post especial vai estar na homepage, com todas as principais informações do dia.

21:08 – Quatro
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

Faltam dez minutos para terminar o dia, a organização parou o relógio e fez o sorteio para definir que serão jogadas mais quatro mãos em cada mesa.

20:41 – Dobrando na sequência
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

Logo depois de ganhar fichas de Hélio Chreem, Affif Prado dobrou seu stack em cima de Brian Potashink e agora está novamente com uma pilha de fichas de seis dígitos, com 115.000 fichas.

20:41 – Briga brasileira
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

PCA2018-Affif Prado-2510.jpgAffif Prado

No botão, Hélio Chreem abriu raise para 8.000 fichas. A ação chegou em Affif Prado no big blind, que anunciou all-in de 43.500 fichas. Hélio pensou um pouco antes de largar suas cartas, mostrando o A♦ para o compatriota.

Affif Prado, atual campeão brasileiro de poker, agora está com cerca de 56.000 fichas em seu stack.

20:21 – Subindo
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

PCA2018-Pedro Leal-2519.jpgPedro Leal

Patrick Kelly foi all-in de 45.000 fichas e recebeu call de Pedro Leal, que estava logo a sua esquerda. O brasileiro mostrou A♣K♠ e ganhou o coin flip do americano (que tinha 5♠5♦) depois que o bordo veio com Q♠4♥10♥A♦6♠.

Pedro Leal agora tem cerca de 213.000 fichas em seu stack.

20:10 – Briga de gente grande
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

João Simão e Harrison Gimbel estão dominando a ação na Mesa 12. O brasileiro (que já liderou o ranking do PocketFives) e o americano (campeão do PCA 2010) já se enfrentaram em várias mãos e por enquanto o embate entre eles está “empatado”, sem nenhuma grande variação no stacks. João Simão segue tranquilo com 155.000 fichas (cerca de 65 big blinds).

19:54 – Na mesma mesa
Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

Com a disputa afunilando, temos agora três brasileiros na Mesa 11: Helio Chreem, Affif Prado e Pedro Leal.

19:45 – Nível 13 – Blinds 1.200 / 2.400 (ante 400)

19:15 – Intervalo (30 minutos)

19:14 – Na última mão antes do break
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

Hélio Chreem abriu raise do UTG para 6.000 fichas e viu Florian Maurer fazer o 3-bet para 18.000 fichas no hijack. A ação voltou para o carioca, que anunciou all-in de 80.000 fichas. O adversário pensou bastante, mas acabou dando call.

Hélio Chreem: 10♦10♥
Florian Maurer: A♠K♣

O bordo veio com Q♦7♦8♥2♠J♥ e o brasileiro ganhou o coin flip. Hélio Chreem agora tem cerca de 180.000 fichas em seu stack, para aproveitar o intervalo bem mais tranquilo…

19:00 – Fichas Brasileiras
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

PCA2018-Ricardo Goncalvez-2496.jpgRicardo Gonçalves

Restam sete representantes do Brasil no field de 136 jogadores. Essa é a contagem de fichas deles:

Gleidibe Brito – 437.000 fichas
Marco Aurélio “Salsicha” – 225.000 fichas
João Simão – 160.000 fichas
Ricardo Gonçalves – 120.000 fichas
Hélio Chreem – 100.000 fichas
Pedro Leal – 97.000 fichas
Affif Prado – 67.000 fichas

18:35 – Mais uma baixa
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

PCA2018-Matheus Schell-Monti-2505.jpgMatheus Schell

Dessa vez, quem deixou a disputa foi Matheus Schell, que perdeu todas fichas na mesa da TV. Com apenas 23.400 em seu stack, Matheus Schell foi all-in do cutoff e foi pago por Maurice Schwab no botão.

A mesa veio com 5♥10♦6♠2♣Q♥ e Matheus Schell, que já foi finalista do BSOP Millions em 2016, deixou o torneio em sua primeira participação no PokerStars Caribbean Adventure.

18:18 – Na cola do líder
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

Gleidibe Goncalves_2018 PCA_$10K Main Event_Day 2_Giron_8JG7178.jpgGleidibe Brito

Restam 152 jogadores na disputa nesse momento, e o líder em fichas é Michael Kamran, com 425.000 fichas. Mas logo atrás dele está o amazonense Gleidibe Brito, que tem um gigantesco stack com 376.000 fichas.

18:05 – Mudanças
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

Depois da eliminação de André Akkari, a mesa da TV foi alterada e agora temos os brasileiros Marco Aurélio “Salsicha” e Matheus Schell estão frente as câmeras…

Outra mudança: estreantes nas Bahamas, Guilherme Lima e Douglas Ferreira acabaram eliminados no começo do Nível 12 e deixaram o Main Event do PCA 2018 no Dia 2.

17:50 – André Akkari eliminado na Mesa da TV
Nível 12 – Blinds 1.000 / 2.000 (ante 300)

Andre Akkari_2018 PCA_$10K Main Event_Day 2_Giron_8JG6876.jpgAndré Akkari

No final do Nível 11, perdemos o representante brasileiro do Team PokerStars Pro…Com os blinds em 800 / 1.600, André Akkari abriu raise com K♦Q♥ abriu raise para 3.700 e recebeu call de Steven Jost no botão com 10♦10♣.

O flop veio com 3♠10♥J♥ e o brasileiro apostou 4.300, recebendo call. No turn, o 8♦ e André foi all-in colocando sua últimas 13.000 fichas no meio da mesa e Jost acabou pagando. O river foi a Q♣ e André Akkari deixou a Mesa da TV e o torneio…

Agora seguimos com dez brasileiros.

17:45 – Nível 12 (Blinds 1.000 / 2.000, com antes de 300)

17:25 – Intervalo (20 minutos)

17:05 – Brasil Futebol Clube
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

No momento, restam 160 jogadores na disputa e 11 são brasileiros. Podemos montar um time de futebol com André Akkari, Gleidibe Brito, João Simão, Douglas Ferreira, Hélio Chreem, Affif Prado, Pedro Leal, Ricardo Gonçalves, Guilherme Lima, Matheus Schell e Marco Aurélio “Salsicha”…

16:45 – Mais uma
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

Enquanto escrevia as últimas baixa na esquadra brasileira, perdemos mais um jogador. Depois de passar o dia inteiro com um stack bem reduzido, Felipe Pantoja acabou não resistindo e deixou a disputa…

16:34 – Más Notícias
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

PCA2018-Bruno Foster-Monti-2460.jpgBruno Foster

Foram três eliminações brasileiras em menos de dois minutos… O primeiro a cair foi Bruno Foster, que perdeu um coin flip gigante e ficou com apenas 5.000 fichas. Na mão seguinte, ele foi all-in de posição intermediária com K♠Q♣ e recebeu call do cutoff, que apresentou K♦K♣. O flop veio com A♥6♦J♠8♦4♠ e o mesa finalista da World Series Of Poker disse adeus ao torneio.

Na sequência foi a vez de Eduardo Parra. Depois do raise de um jogador em posição intermediária, ele anunciou all-in de 15 big blinds. Recebeu call do jogador no big blind, que tinha Q♠Q♦. O brasileiro estava com A♥10♠ e acabou eliminado quando a mesa não trouxe nenhum de seus três outs.

PCA2018-Walter Oaquim-Monti-2432.jpgWaltinho Oaquim

Por último, perdemos Waltinho Oaquim. E a eliminação veio de maneira cruel… O carioca abriu raise para 3.800 fichas no botão e viu o jogador no big blind fazer o 3-bet para 10.200. Waltinho anunciou all-in de 62.000 fichas e recebeu call, mostrando A♠Q♣. O adversário tinha a mesma mão, com A♦Q♥. Mas quatro cartas de Copas no bordo acabaram eliminando mais um dos nossos.

16:14 – Números!
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

A organização acaba de anunciar os números finais do Main Event. Com 582 entradas, o torneio arrecadou US$ 5.645.400,00. Desse total, o grande campeão vai receber US$ 1.081.100,00 (além de um Platinum Pass para o PokerStars Players Championship em 2019).

No total, serão 87 jogadores premiados, sendo que a primeira faixa de premiação é de US$ 17.500,00.

16:11 – Mais eliminados…
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

Na minha última ronda pelo field para fazer a contagem de fichas, não achei três dos nossos representantes: Rogério Pereira, Geraldo César e Alex Testoni…

16:01 – Fichas Brasileiras
Nível 11 – Blinds 800 / 1.600 (ante 200)

PCA2018-Ghillerme Lima-Monti-2474.jpgGuilherme Lima

Guilherme Lima – 78.000 fichas
André Akkari – 75.000 fichas
Gleidibe Brito – 231.000 fichas
João Simão – 160.000 fichas
Eduardo Parra – 23.000 fichas
Douglas Ferreira – 100.000 fichas
Matheus Schell – 15.000 fichas
Affif Prado – 45.000 fichas
Bruno Foster – 52.000 fichas
Waltinho Oaquim – 75.000 fichas
Marco Aurélio “Salsicha” – 158.000 fichas
Felipe Pantoja – 22.000 fichas
Hélio Chreem – 80.000 fichas
Ricardo Gonçalves – 125.000 fichas
Pedro Leal – 180.000 fichas

15:50 – Nível 11 (Blinds 800 / 1.600, com antes de 200)

15:30 – Intervalo (20 minutos)

15:28 – Várias eliminações
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

PCA2018-Vanderlei Junior-Monti-2478.jpgVanderlei Teixeira Jr.

Os dois primeiros níveis do dia já mandaram mais de cem jogadores para as piscinas do Atlantis, com várias eliminações no field. Entre eles estavam os brasileiros Fábio Freitas, Guilherme Furlan, Vanderlei Teixeira Jr. Charles Modesto.

15:20 – Eliminado, mas feliz
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

NEIL8724_PCA2018_Charles_Modesto_Neil Stoddart.jpgCharles Modesto

Charles Modesto conquistou a simpatia de todos na equipe de TV, graças a sua desenvoltura e bom humor. Mas isso não bastou para ele evitar a eliminação no segundo dia de disputa do Main Event…

Com apenas 14 big blinds (depois de ter perdido um AA contra JJ), ele anunciou all-in do cutoff com 4♠4♣. recebeu call do jogador no big blind, que mostrou A♥10♦. Com um Dez no flop, Charles acabou perdendo o coin flip. Mas não perdeu a alegria!!! O professor de dança até sambou na entrevista que deu para a PokerStars.tv após sua eliminação.

15:03 – Voltando para as mesas
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

PCA2018-Eduardo Parra-Monti-2456.jpgEduardo Parra

Eduardo Parra era presença constante nas mesas dos principais torneios do circuito brasileiro no começo do poker profissional no país. Ele inclusive disputou o Main Event do PokerStars Caribbean Adventure nessa época.

Depois de um período afastado das mesas, Eduardo está de volta ao circuito. E o retorno não poderia ter sido melhor… Na última edição do BSOP Millions, ele ficou com o título do One Day High Rollers, recebendo R$ 152.570,00.

Aqui no Main Event do PCA 2018, Parra está mantendo o stack inicial do Dia 2 e agora tem cerca de 44.000 fichas.

14:55 – Damas contra Dama
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

No UTG, Hélio Chreem abriu raise para 3.000 fichas e viu Liv Boeree fazer o 3-bet do botão para 8.500 fichas. O brasileiro deu call e o flop veio com 3♥3♦4♦. Hélio pediu mesa, a jogadora do Team PokerStars Pro apostou 6.500 fichas e recebeu o check-raise para 18.500 fichas, dando call.

No turn, o J♣ e ambos deram check. A ação se repetiu no river, com o 9♦ e Hélio mostrou suas cartas: Q♦Q♠. Liv deu muck em sua mão e o brasileiro agora tem cerca de 130.000 fichas em seu stack.

14:42 – Rei dos Satélites
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

PCA2018-Helio Chreem-Monti-2448.jpgHélio Chreem

Um veterano nas Bahamas, com várias participações nos últimos dez anos, Hélio Chreem também está se mostrando um especialista nos qualificatórios do PokerStars.

O carioca ganhou pacote completo no Mega Satélite PCA (US$ 530) e quando chegou aqui no Atlantis conquistou outra vaga no Cash Qualifier (US$ 1.000), onde acabou ficando com os dez mil dólares da premiação pois já tinha participação assegurada no evento principal.

E Hélio está seguindo bem no Main Event, com 98.000 fichas em seus stack no momento.

14:30 – Recuperando
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

Affif Prado, que ganhou o pacote completo para disputar o PCA 2018 por ter sido o campeão brasileiro de poker em 2018 após terminar em primeiro no Ranking BSOP, teve um primeiro dia excelente no torneio, terminando com a liderança do Dia 1A.

Hoje, seu começo de dia não foi muito bom. De suas 137.500 fichas iniciais, ele chegou a ter apenas 50.000. Agora no segundo nível do dia as coisas voltaram a melhorar e ele tem confortáveis 92.000 fichas.

14:23 – Vamoooo!!!
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

Foram essas as palavras que recebi na mensagem que Gleidibe Brito acabou de mandar no Whatsapp. Antes dela, o amazonense mandou outra, com seus novos números no torneio: ele agora tem 213.000 fichas e é um dos líderes da disputa!

14:15 – Spin & Going to Bahamas!
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

PCA2018-Guglas Ferreira-Monti-2464.jpgDouglas Ferreira

Douglas Ferreira conseguiu sua vaga no Mega Satélite do PCA (US$ 530) através de um Spin & Go do PokerStars. No qualificatório, ele acabou ganhando sua vaga quando tinha apenas 2.000 fichas, nos blinds 500 / 1.000. Ou seja, dois blinds!

Aqui nas Bahamas, Douglas está tendo um dia bem tranquilo e já conseguiu elevar seu stack para seis dígitos. No momento, ele tem 102.000 fichas.

14:05 – Estrela das pistas e das câmeras
Nível 10 – Blinds 600 / 1.200 (ante 200)

NEIL6826_PCA2018_Fatima_Moreira_de_Melo_Charles_Modesto_Neil Stoddart.jpgCharles Modesto

Charles Modesto é o outro qualifier brasileiro que ganhou vaga nos satélites do PokerStars e estea sendo acompanhado pela equipe de TV.

Professor de danças de salão, ele até demonstrou suas habilidades nas pistas de dança em um vídeo especial para a PokerStars.tv, e também recebeu uma câmera especial para gravar suas aventuras nas mesas e no Atlantis. Charles hoje não teve um bom começo na mesa secundária mostrada ao lado do palco principal, e agora tem 24.000 fichas (20 big blinds) em seu stack.

13:50 – Nível 10 (Blinds 600 / 1.200, com antes de 200)

13:30 – Intervalo (20 minutos)

13:09 – Blefe???
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Walter Oaquim-Monti-2434.jpgWaltinho Oaquim

O board mostrava A♠J♦J♥4♣3♦ e Waltinho Oaquim acabou largando seu A♣2♣ depois de mais uma aposta de Steve O’Dwyer (que ontem ganhou mais um High Roller do PCA, o evento de buy-in US$ 50.000).

O irlandês recolheu as fichas afirmando que não tinha nada e estava blefando, mas a como não mostrou as cartas acabou deixando toda a mesa, e principalmente Waltinho, na dúvida. Mas mesmo perdendo essa mão, o carioca segue muito bem no torneio, depois de subir seu stack nesse primeiro nível e acumular 58.000 fichas.

12:59 – “Manda tudo pro Brasil”!!!
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Gleidibe Brito-Monti-2425.jpgGleidibe Brito

Gleidibe Brito é um dos qualifiers do PokerStars que está tendo sua jornada nas Bahamas acompanhada pelas câmeras da equipe de TV. E foi frente a elas que ele anunciou um sonoro “Manda tudo pro Brasil” que ecoou pelo salão…

Fui até lá para saber o que havia acontecido. Michael Stashin deu um check-raise no amazonense no flop J♠10♠9♣ apostando 6.400 depois da aposta de 2.400 de Gleidibe e ainda falou que “amava o Brasil” na sequência. O amazonense deu call com A♦J♦ e respondeu “Me too”…

No turn, o 2♣, e o americano aposta 9.000 fichas, recebendo outro call. No river, o 3♦ e outra aposta, dessa vez para 16.000 fichas. Gleidibe Brito deu call e viu Stashin revelar K♠8♠. Puxando as fichas, Gleidibe ainda falou alto: “é tudo do brasileiro”!

12:49 – O sonho acabou….
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Ghillerme Forlan-Monti-2485.jpgGuilherme Furlan

Ontem contei a história de Guilherme Furlan aqui no blog. Depois de ganhar o Mega Freeroll PokerStars no BSOP MIllions, ele veio jogar o Main Event do PCA 2018 sem custos. Mas o sonho do título chegou ao fim agora pouco.

Com A♥10♥, ele deu raise e recebeu um 3-bet de um oponente. O flop veio com um Dez como carta mais alta e com apenas 12 big blinds em seu stack o brasileiro anunciou all-in. O adversário pagou com Q♠Q♦ e ainda acertou uma outra Dama no river para levar todas as fichas de Guilherme.

Mas a aventura dele nas Bahamas ainda não terminou! Ele ainda vai jogar o Freeroll que acontece no último dia do festival e é aberto para todos os jogadores de eventos do PCA 2018. Quem sabe a história não se repete?

12:45 – Não passou…
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Joao Simao-Monti-2431.jpgJoão Simão

O craque João Simão não teve um bom começo de Dia 2… Ele acabou tentando um blefe que acabou sendo mal sucedido e perdeu um pouco de suas fichas. Mas calma, pessoal! Ele ainda segue na disputa com 35.000 fichas, exatos 35 big blinds e está pronto para subir o stack novamente.

12:32 – Mais boas notícias
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

“Que beleza, no primeiro dia joguei o tempo todo com o Affif Prado na minha esquerda e hoje tenho o Bryn Kenney na canhota”, me disse Ricardo Gonçalves quando passei ao lado da Mesa 10. Mas ter dois dos melhores jogadores do mundo em suas mesas não está intimidando o brasileiro. Ele já eliminou um de seus oponentes, subindo o stack para 156.000 fichas.

12:20 – Subindo
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Marcos Alves-Monti-2486.jpgMarco Aurélio “Salsicha” Alves

Quando o dia começou, Marco Aurélio “Salsicha” Alves tinha um dos menores stacks entre os nossos representantes. Mas tenho boas notícias! O brasileiro abriu raise com 6♠6♦ e viu um dos short stacks do torneio anunciar all-in com 11.000 fichas.

Salsicha deu call e acabou levando o pote quando nada na mesa ajudou o A♥J♣ do oponente, e agora tem cerca de 53.000 fichas no stack

12:05 – Na TV
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

PCA2018-Andre Akkari-2356.jpgAndré Akkari

Tem brasileiro na Mesa da TV! O jogador do Team PokerStars Pro André Akkari está disputando os potes no palco principal e você pode acompanhar tudo através da transmissnao com cartas reveladas na PokerStars.tv e no SuperPoker.

12:01 – Um começo diferente e US$ 30.000 distribuídos
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

O dia hoje começou de forma inusitada… Após um sorteio realizado pela organização, a Mesa 34 foi sorteada para jogar uma mão de Texas Hold’em onde o vencedor receberia um Platinum Pass para o PokerStars Players Championshiop em janeiro de 2018, no valor de US$ 30.000!!!

thai-ha-2018-pca-10k-main-event-day-2-giron-8jg6870.jpgThai Ha e seu Platinum Pass de US$ 30.000

As cartas foram distribuídas para os oito jogadores e só foram reveladas depois do flop 8♣10♣6♣. Mike Leah estava na frente quando abriu seu A♦10♠, mas acabou perdendo para a trinca de Thai Ha, que tinha 8♠2♦ e acertou o 8♦ no river! E assim já temos mais um jogador confirmado para o torneio que está causando sensação no mundo do poker e que vai ser disputado ano que vem aqui no PokerStars Caribbean Adventure.

12:00 – Nível 9 (Blinds 500 / 1.000, com antes de 100)

10:41 – Somos 22
Nível 9 – Blinds 500 / 1.000 (ante 100)

Em pouco mais de uma hora começa o Dia 2 do evento principal do PokerStars Caribbean Adventure. Hoje serão disputados cinco níveis de blinds, com noventa minutos cada um e as inscrições para o torneio encerram hoje após o o início da disputa.

PCA2018-Bruno Foster-2370.jpgBruno Foster

Quando as cartas forem distribuídas no Main Event, 22 brasileiros vão começar a jornada em busca da sobrevivência no torneio. Veja a contagem de fichas de todos eles:

Affif Prado (137.500 fichas)
Ricardo Gonçalves (131.600 fichas)
Pedro Leal (111.500 fichas)
Rogério Pereira (96.000 fichas)
Douglas Ferreira (92.600 fichas)
Geraldo César (80.200 fichas)
André Akkari (63.400 fichas)
Alex Testoni (60.200 fichas)
João Simão (59.300 fichas)
Bruno Foster (58.100 fichas)
Charles Modesto (57.500 fichas)
Hélio Chreem (55.800 fichas)
Gleidibe Brito (52.700 fichas)
Guilherme Lima (50.000 fichas)
Matheus Schell (47.700 fichas)
Eduarto Parra (45.600 fichas)
Vanderlei Teixeira (42.700 fichas)
Waltinho Oaquim (42.100 fichas)
Marco “Salsicha” Alves (36.100 fichas)
Felipe Pantoja (34.600 fichas)
Guilherme Furlan (30.400 fichas)
Fábio Freitas (12.600 fichas)


Sérgio Prado é o blogger oficial do PokerStars Brasil

Share

Author

Sergio Prado

Sérgio Prado foi produtor de televisão durante dez anos, deixando o mercado para ser o blogger oficial do PokerStars Brasil. Desde que assumiu a função em agosto de 2008, ele é responsável pela criação de textos e edição de artigos dos colaboradores no canal oficial de comunicação do PokerStars no país. Viaja pelo mundo cobrindo os eventos do LAPT (Latin American Poker Tour), BSOP Brazilian Series Of Poker), PCA (PokerStars Caribbean Adventure) e EPT (European Poker Tour), é Gerente de Eventos o Vivo do PokerStars Brasil e trabalha como comentarista de poker nos canais ESPN.

Além de ter o poker como um de seus hobbies, Sérgio adora boa música, cinema, livros e os passeios com os filhos e a esposa. Também está sempre buscando tempo para fazer exercícios e praticar outros esportes, mas essa tarefa não está sendo executada com sucesso.

Siga Sérgio Prado nas mídias sociais:

Facebook: www.facebook.com/sergiopradopoker/
Twitter: www.twitter.com/seprado/
Instagram: www.instagram.com/seprado/

Carregando...

Próxima História

Carregando...