'O Jogo dos Jogos': lições de poker de cinco jogadas famosas do Futebol Americano

Por Martin Harris

O maior jogo de futebol da temporada está prestes a acontecer, um jogo que será visto por uma audiência estimada de mais de 100 milhões de pessoas apenas nos Estados Unidos. Cada jogada e decisão do treinador será analisada para sempre - tal como acontece com as mãos das maiores mesas finais no poker.

BLOG_NFL_1.jpgAnalisando as finais anteriores, muitas produziram jogadas que ainda hoje são discutidas, sendo que as decisões tomadas pelos jogadores e treinadores ainda são alvo de análise e crítica pelos milhões de "quarterbacks de sofá".

Algumas dessas jogadas servem para retirar lições que podem se aplicar no poker. À medida que nos aproximamos do grande jogo, aqui estão cinco das decisões mais memoráveis tomadas em jogos passados, e todas servem para lembrar o que se deve e não deve fazer quando estamos nas mesas.

1. "Garo's Gaffe"

Miami Dolphins vs. Washington Redskins (1973)

O Miami Dolphins tinha dominado o Washington Redskins durante três quartos e meio e ganhava por 14-0. Faltava pouco para completar uma época sem derrotas. Com menos de dois minutos para finalizar o jogo, o treinador Don Shula optou por enviar o confiável kicker Garo Yepremian para tentar um field-goal de 42 jardas, para que o resultado igualasse a série de vitórias, 17-0.

A tentativa de Yepremian foi bloqueada, e quando a bola saltou de volta na sua direção ele acabou por falhar no passe. A bola escorregou de sua mão quando tentava passar e Mike Bass dos Redskins agarrou-a, só parando de correr ao marcar touchdown. De repente o jogo ficou 14-7 e já não estava assim tão decidido a favor dos Dolphins. Felizmente para eles e para Yepremian, em especial, a equipe acabou vencendo.

Lição de Poker: Quando estiver sob pressão, por exemplo numa situação pós-flop onde as coisas não estejam correndo bem, não tente jogadas que te deixem fora da sua zona de conforto, ou seja, não brinque. Um erro inocente no início de uma mão pode ter consequências graves mais tarde. É melhor dar fold do que um check/raise em blefe apenas para tentar ganhar a mão desesperadamente.

Super Bowl blackboard-thumb-450xauto-308746.jpeg2. "Rocket Screen"

Los Angeles Raiders vs. Washington Redskins (1984)

Perdendo por 14-3 com 12 segundos por jogar na primeira parte e na sua linha de 12 jardas, todos esperavam que o Washington Redskins apenas fosse para intervalo. O técnico Joe Gibbs tinha outras ideias e pediu ao quarterback Joe Theismann para fazer uma jogada chamada "Rocket Screen", com uma probabilidade muito pequena de ter sucesso e que provavelmente ultrapassaria o tempo de jogo restante.

Para azar do Washington, Jack Squirek, linebacker do Los Angeles Raiders, antecipou-se, interceptou o passe e acabou por deixar o marcador em 21-3 no intervalo. Os Redskins não se recuperaram e os Raiders venceram o jogo por 38-6.

Lição de Poker: se está perdendo numa sessão ou short em um torneio, calcule as suas chances e não entre em uma jogada maluca. Dar fold em uma mão ruim é algo que pode não te apetecer quando está perdendo, mas você deve evitar correr riscos desnecessários quando sabe que precisa ter a sorte ao teu lado para ter sucesso.

BLOG_NFL_2.jpg3. "Holmgren's Handout"

Green Bay Packers vs. Denver Broncos (1998)

Com o jogo empatado em 24-24 e com 1:47 para jogar, o Denver Broncos tinha um 2nd-and-goal na linha de uma jarda do Green Bay Packers quando Denver pediu um tempo. O treinador dos Packers, Mike Holmgren, disse à sua equipe para deixar os Broncos marcarem um touchdown para ter a certeza que ficariam com a bola em seguida. A ideia era tentar uma jogada onde pudessem empatar o jogo.

Holmgren estava enganado sobre a situação. Enquanto que os Packers tinham dois descontos de tempo para gastar, ele pensou que Denver tinha um 1st-and-goal e não um 2nd-and-goal, o que faz uma enorme diferença estratégica. Os packers poderiam ter tentado impedir Denver de marcar nas duas próximas jogadas que se seguiram e ter usado seus pedidos de tempo em seguida. Mesmo que Denver marcasse, os Packers teriam recebido a bola, ou seja, não havia necessidade de deixar Denver pontuar. A tentativa dos packers de empatar o jogo foi mal sucedida e Denver ganhou o jogo por 31-24.

Lição de Poker: tenha sempre consciência da situação em que você se encontra. Não tome uma decisão sem saber quem disputando o pote, o tamanho dos stacks ou que tipo de movimento fez o seu adversário.

4. "Ambush"

New Orleans Saints vs. Indianapolis Colts (2010)

Esta é sem dúvida uma das jogadas mais surpreendentes da história. Os Saint perdiam por 10-6 ao intervalo contra os favoritos Colts, e o seu forte ataque liderado por Peyton Manning. No início do segundo tempo, o treinador dos Saints, Sean Payton, ordenou um onside kick -- uma jogada chamada "Ambush" e que foi treinada toda a semana. Esta foi a primeira vez na história do jogo final da temporada que alguém tentou um onside kick antes do último quarto.

O pontapé foi parar com um jogador dos Colts e rapidamente a luta pela bola levou-a a ficar nas mão de um jogador dos Saints, que roubaram literalmente a posse de Indianapolis. Pouco depois agarravam também a liderança do jogo após fazer um touchdown, e levaram-na até o final, vencendo por 31-17.

Lição de Poker: você já deve ter ouvido muitas vezes que é importante mudar a "marcha" no jogo e que deve ser agressivo quando necessário, por exemplo em uma fase intermediária de um torneio, e depois de ter passado uma imagem "tight" mais conservadora. A mudança de estilos pode surpreender os seus adversários e fazer com que ganhe não só uma mão como o momento do jogo. Eles vão ficar na dúvida sobre como jogar contra você.

5. "Disabling Beast Mode"

New England Patriots vs. Seattle Seahawks (2015)

No final do último quarto, o New England Patriots liderava por 28-24, mas o Seattle Seahawks tinha a posse de bola na linha de 5 jardas do Pats, depois de uma jogada incrível de Jermaine Kearse dos Seahawks. Na jogada seguinte, Marshawn Lynch,grande jogador dos Seahawks, correu quatro jardas para a linha de 1 jarda. Havia mais de um minuto para jogar e, estranhamente, os Patriots não pediram tempo. Acabaram por deixar os Seahawks jogarem e gastar os 30 segundos restantes.

Todos ficaram espantados, esperavam um passe para Lynch. Afinal, o jogador conhecido como "Beast Mode" tinha acabado de cruzar a marca de 100 jardas no jogo, já tinha marcado um touchdown, e tinha uma marca de 13 TDs . Mas, para surpresa de todos, o treinador de Seattle, Pete Carroll, pediu uma jogada arriscada ao quarterback Russell Wilson. Malcolm Butler reconheceu a formação e desfez a jogada ao interceptar a bola. Quando a derrota parecia certa, os Patriots conseguiram a reviravolta e venceram o jogo.

Lição de Poker: quando estiver ganhando em uma sessão de cash ou deep num torneio, não se esqueça da estratégia que teve sucesso, não a abandone rapidamente para tentar enganar os adversários, eles talvez ainda não a tenham percebido.

Super Bowl generic-thumb-450xauto-308749.jpeg* * * * *

Aqui ficam mais três "menções honrosas" a jogadas que também merecem ser destacadas como boas lições de poker:

New England Patriots vs. Philadelphia Eagles (2005)

Com menos de 6 minutos para jogar e perdendo por 24-14, os Eagles fizeram o huddle após todas as jogadas em uma longa descida para touchdown, gastando quase quatro minutos. A falta de preocupação com o tempo forçou a equipe a tentar um onside kick (que deu errado), e os Patriots ganharam por 24-21. Lição de Poker: não seja comido pelos blinds quando estiver short num torneio.

New York Giants vs. New England Patriots (2012)

Esta situação é muito parecida à que aconteceu no final do jogo Packers - Broncos em 1998. Os Patriots deixaram os Giants marcarem um touchdown com menos de um minuto para jogar e o marcador ficou 21-17. Caso contrário os Pats não teriam tempo para tentar pontuar. Lição de Poker: por vezes é melhor dar fold e desistir de um pote, melhores spots virão.

Baltimore Ravens vs. San Francisco 49ers (2013)

Os Ravens lideravam por 34-29 com 12 segundos para o final e estavam em seu terreno. Ao invés de tentar um ponto arriscado que poderia ser bloqueado e recuperado para que fosse feito um touchdown, o jogador dos Ravens, Sam Koch, correu por cerca de oito segundos antes de fazer 2 pontos. Com quatro segundos restantes, Baltimore foi capaz de pontuar e acabaram ganhando o jogo por 34-31. Lição de Poker: você deve conhecer as regras e saber como usá-las a seu favor.

...

Kelvin Kerber foi o "Jogador da Etapa" no BSOP São Paulo, e se tornou o primeiro brasileiro garantido no PokerStars Players Championship:

First Deposit Bonus

Todos os jogadores que fizerem seu primeiro depósito estarão qualificados para o Bônus de Depósito PokerStars de 100% até US$600.

Arquivo